• Giovanna Lima

Importância do Manejo Sustentável do Solo

O solo é um recurso natural não renovável, devido à grande demanda de tempo para seu processo de formação. Com todo histórico de produção e exploração seu uso tem sido sobrecarregado, principalmente no consumo-mercado que exige mais que a capacidade de recomposição do solo, assim como manejos inadequados causando danos que, por vezes, podem ser considerados irreversíveis.

Para melhor produtividade e diminuição do impacto aos solos é importante considerar o manejo sustentável garantindo não só o uso, também a realização de funções essenciais para sobrevivência do planeta.



Para saber mais é só continuar aqui com a gente!





1. IMPORTÂNCIA DO SOLO

Todos sabemos da representatividade do solo nos cultivos agropecuários – principal fonte de alimentação das populações - porém sua importância e funções vão muito além disso. Exemplos:

  • É o meio de produção de biomassa para produção de energia renovável;

  • É filtro natural que mantém os estoques subterrâneos de água doce limpos;

  • Local de moradia de microrganismos e outros seres que acabam agindo na manutenção do solo, assim como atuando como fonte importante para desenvolvimento de plantas mais saudáveis e na produção de remédios;

  • É fundação para estradas, edificações, cidades e indústrias;

  • É um armazém natural de carbono e água, elementos fundamentais para o equilíbrio e adaptabilidade de ecossistemas terrestres aos eventos climáticos extremos.


2. DEGRADAÇÃO DO SOLO

O principal fator de degradação do solo é a utilização para fins agropecuários, a degradação está ligada à diminuição ou falta de qualidade dos atributos do solo, incluindo biológicos e ecológicos. Ocorrendo:

  • Perda de biodiversidade;

  • Erosão;

  • Compactação;

  • Mudanças químicas;

  • Atribuições ecossistêmicas prejudiciais, dentre outros.

O uso inadequado do solo resulta em casos de poluição, práticas agrícolas insustentáveis, mudanças climáticas à longo prazo e perdas significativas de porções de terra, principalmente, pela expansão urbana e pastoreio.


Todos esses fatores foram pautados em um relatório das Nações Unidas, tendo sido relatado que quase um terço das terras cultiváveis do mundo desapareceu nas últimas quatro décadas, assim como foi identificado que todo o solo superficial do mundo poderá se tornar improdutivo dentro de 60 anos se as taxas atuais de perda permanecerem na mesma proporção.



Imagem 1: Demonstração de um solo degradado



3. MANEJO SUSTENTÁVEL

No planeta existem diferentes tipos de solo, o que não seria diferente no Brasil. Cada solo apresenta características físicas e químicas que influenciam na forma como esses solos se comportam em relação as produções e afins, desta forma é preciso a análise do solo e medidas de manejos diferentes que auxiliam para melhor uso e aumento de produtividade. Exemplos de manejos sustentáveis:

  • Rotação de Culturas;

  • Plantio direto;

  • Integração Lavoura-Pecuária-Floresta;

  • Preservações de áreas de preservações permanentes;

  • Reposição de matéria orgânica.





Imagem 2: Sistema de integração Lavoura-Floresta




Imagem 3: Exemplo de uma rotação de culturas





Imagem 4: Exemplos de Áreas de preservação permanente




Curiosidade


Se ficou curioso sobre áreas de preservação permanente e quer entender melhor sobre o assunto acesse o post Áreas de Preservação Permanente (APP's) e Zonas Ripárias.



Gostou do artigo? Acompanhe a gente se inscrevendo no nosso blog através do botão"Login/Registre-se".




Fontes:

www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/2617505/artigo-2015---ano-internacional-do-solo-acao-coletiva-e-colaboracao-para-cuidar-do-solo-e-da-agua . Acesso em 10 de Dezembro de 2021.

terradecultivo.com.br/praticas-de-manejo-sustentavel/. Acesso em 10 de Dezembro de 2021.

https://croplifebrasil.org/noticias/o-solo-patrimonio-essencial-da-agricultura/. Acesso em 10 de Dezembro de 2021.


51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo